Capela de São Roque (Porto, Campanhã)

Categoria: Capelas

Em 1737, o ermitão Francisco João manda construir uma capela dedicada a São Roque, no local onde existiu uma ermida dedicada a Nossa Senhora da Ajuda, e cujo retábulo foi preservado transitando para a sacristia da actual Capela de São Roque. Nas Memórias Paroquiais de 1758 é referida uma ermida de São Roque que se situava junto da estrada pública que vai da “cidade do Porto para Tras os Montes, e he de bastante grandeza, cujo sancto he o principal Orago deita, e tem mais as Imagens de Nossa Senhora de Ajuda, de Sancto António de Pãdua; de Santa Rita; e de Sam Francisco de Assis (...)”.

Em 1876 foi instituída a Confraria de Santo António, que ficou responsável pelo culto e pelas festividades do seu santo patrono, mas que seria extinta em 1910.

Posteriormente foi instituída a Irmandade de Santo António da Capela de São Roque da Lameira, a quem, em 1915, a Junta da Freguesia entrega os bens da Capela, entretanto arrolados. Desse arrolamento constavam diversas alfaias litúrgicas, e as imagens de Santo António, da Nossa Senhora da Ajuda, São Francisco e Santa Rita. Ao longo do século XX, a Capela foi sendo remodelada.

Contactos e Horário

Telefone: 225367418

Direitos de Autor ou de Imagem Helena Gonçalves Pinto
Bibliografia

Roteiro Religioso: Porto e Vila Nova de Gaia. Porto: Diocese do Porto

Localização

Rua de São Roque da Lameira , 4350 Porto, Campanhã, Portugal

Pontos de Interesse: Sugestões

Em 1976, a igreja foi restaurada e actualmente apresenta a fachada e torres sineira com revestimento azulejar de padronagem azul e branco.

Largo da Igreja, 3720 São Roque, Oliveira de Azeméis , Portugal

A Capela de São Roque foi edificada no século XVII, mas remodelada, provavelmente, no século XX, sendo-lhe introduzidos os actuais vãos, na fachada principal. 

Rua da Ínsua, Vila Real, Mondrões, Portugal

A Capela foi construída entre 1599-1601, na sequência de um voto para que cessasse o surto de peste que grassava na aldeia.

Rua de São Roque, Valongo, Alfena