Capela de São Roque (Cerqueiral)

Categoria: Capelas

A Capela de São Roque foi construída no século XVII, no largo denominado Souto de São Roque, no limite dum recinto junto ao muro da Quinta dos Curvos. A sua edificação foi promovida por Manuel Belo e sua mulher D. Ana Ribeiro que fizeram um voto para pedir proteção da peste que grassavam em Portugal.

Entre 1898 e 1904, ocorreu uma contenda, pela sua posse, entre o Comendador Domingos Gonçalves de Sá, na altura proprietário da referida Quinta dos Curvos, e um conjunto de moradores liderados por António Ribeiro Lima, um proprietário local, mas sem que se verificasse a transferência da posse.

O templo é relativamente amplo, formado pela capela-mor e pelo corpo central e a fachada anuncia alguns elementos do barroco.

No lado do Evangelho, um púlpito tem na base de pedra, a inscrição da sua construção no “ANNO DE 1760", e no lado da Epístola e pia de água benta, junto à porta. A capela foi profundamente remodelada no ano de 1871.

Festividades São Roque: festa anual realiza-se no 16 de Agosto.
Romaria: primeiro domingo de Agosto (habitualmente).
Contactos e Horário

Comissão Fabriqueira

Direitos de Autor ou de Imagem

José da Costa | Câmara Municipal de Esposende

Bibliografia

MOREIRA, Justino, “História do Souto de S. Roque de Forjães”, in Boletim Cultural de Esposende, vol. 3, Esposende, 1983.

ALMEIDA, Carlos Alberto Brochado de, Forjäes e as suas origens, Esposende

Localização

Calçada de São Roque, 533, 4740-452 Esposende, Esposende, Forjães, Cerqueiral, Portugal

Pontos de Interesse: Sugestões

Cruzeiro integrado num aglomerado urbano, constituído por um conjunto de edificações no interior da aldeia. 

Largo de S. Roque, Vilares de Baixo, Alfândega da Fé, Vilares de Vilariça, Portugal

Em 1580, a população organizava pela freguesia, uma procissão com a imagem de S. Roque, decorrendo a vontade de edificar uma capela, cuja licença foi dada pelo Bispo do Porto, D. Jerónimo de...

Rua Conde S. Bento (na bifurcação com a Rua das Rãs), Santa Cristina do Couto, Santo Tirso, Portugal

O Regimento de Faro, mais tarde denominado Regimento de Infantaria n.º 14 teve uma Confraria sob a invocação de São Roque, com Compromisso aprovado, embora actualmente se desconheça o seu...

Faro, Portugal