Capela de São Roque (Guimarães)

Categoria: Capelas

A construção da Capela de São Roque foi impulsionada pelo médico Jorge do Valle Vieira, guarda-mor da Casa de Saúde, que na sequência do surto de peste que afectou a vila de Guimarães, em 1599, mandou edificar o templo e deixou em testamento que celebrassem em “cada ano e para sempre sete missas, por sua alma e por todos aqueles que faleceram do mal da peste”.

No Museu Alberto de Sampaio podem ser vistos alguns objectos que pertenceram à Capela de São Roque, nomeadamente: o retábulo seiscentista, a escultura de São Roque e dois anjos candelários.

 

Outros Locais de Interesse

Em Guimarães existiram cerca de dez albergarias que recebiam peregrinos, entre elas: a de São Roque ou dos Peregrinos, a de S. Vicente (Confraria dos Alfaiates), a do Goardal, a de Nossa Senhora do Serviço, em comum tinham a assistência aos peregrinos e pobres, proporcionando hospedagem e alimento. 

Direitos de Autor ou de Imagem Helena Gonçalves Pinto

Localização

Rua 25 de Abril, Guimarães, Portugal

Pontos de Interesse: Sugestões

O antigo orago da paróquia é Nossa Senhora do Pilar e foi com esta invocação que existiu na freguesia dos Cedros uma antiga igreja datada de 1693, que em meados do século XX, se encontrava em...

Cedros, Ilha das Flores, Portugal

Trata-se de um templo de uma só nave. A entrada principal antecedida por prolongando-se por um alpendre. No interior, a iluminação é realizada por pequenas janelas que se localizam na fachada...

Rua da Capela de São Roque (E1391), 4830-295 Garfe, Póvoa de Lanhoso, Braga, Portugal

A capela insere-se no conjunto do Centro de Reabilitação de Alcoitão, criado em 1956 pelo Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Dr. José Guilherme de Mello e Castro.

Centro de Medicina de Reabilitação de Alcoitão, Rua Conde Barão, Alcoitão, 2649-506 Alcabideche, Portugal