rota capelas 9 5 15Sempre que estão patentes exposições que justificam uma visita dos Irmãos, seja pelo seu valor artístico, com maior ou menor cunho espiritual ou religioso, no seu sentido mais lato, ou simplesmente pela qualidade e valor das peças expostas, a Irmandade de São Roque empenha-se na organização de visitas guiadas, integrando-se nas visitas organizadas pela própria Exposição ou organizando autonomamente a visita.

Essas visitas são sempre ocasião de confraternização entre os Irmãos, Voluntários, Amigos da Irmandade, Colaboradores e todos aqueles que se queiram associar.

Dentro do mesmo espirito, esporadicamente também são organizadas visitas ao Património Imóvel Cultural Nacional (ver nota abaixo).

Reveste-se de interesse particular a visita ao Património da Santa Casa, tendo sido organizada a visita convívio "Rota às Capelas" no dia 9 de Maio de 2015.

 

Direção-Geral do Património Cultural: acerca do Património Imóvel


Integram o património cultural imóvel os bens imóveis que assumem relevância para a compreensão, permanência e construção da identidade nacional e para a democratização da cultura. São bens que constituem testemunhos com valor de civilização ou de cultura. O interesse cultural relevante, designadamente histórico, paleontológico, arqueológico, arquitectónico, artístico, etnográfico, científico, industrial ou técnico destes bens reflete valores de memória, antiguidade, autenticidade, originalidade, raridade, singularidade ou exemplaridade.