Procissão centenária que se realiza na noite de Sexta-feira Santa, saindo da Igreja de santa Catarina percorre as ruas de São Bento até ao Bairro Alto. Consumada a Paixão e Morte de Jesus, o Cortejo processional recorda a sepultura do Senhor, incorporando o Esquife com a imagem de Jesus morto e as imagens de Santa Maria Madalena com os perfumes nas mãos para ungir o corpo de Jesus, de São João Evangelista e de Nossa Senhora das Dores.

A procissão termina na Igreja onde a imagem de Jesus morto é cenicamente transferida para o túmulo (um enorme baú) onde é piedosamente depositada sendo a tampa deixada intencionalmente cair estrepitosamente com sobressalto e comoção dos fiéis.